A transformação digital está na lista de prioridades das empresas, especialmente com a crise que a pandemia causou nos negócios. Estamos vivendo em uma era de mudanças – modelos de negócios, experiências do cliente, canais, tecnologia -, e, com isso, as organizações precisaram se adaptar para acelerar seu processo de transformação.

Ainda existem diversos mitos a respeito da transformação digital que precisam ser esclarecidos. 

Veja alguns mitos:

Transformação digital tem a ver apenas com usar mais tecnologia

Muitas empresas pensam que o processo é apenas utilizar mais tecnologia para se tornar efetivo, mas isso não é necessariamente verdade. Ela tem a ver com estimular o digital para o coração do seu negócio, além de promover a agilidade, decisões baseadas em análise de dados, integração de informações dos seus processos, excelência operacional, valor agregado ao cliente. A tecnologia é um facilitador desse processo. Lembre-se: uma empresa que adota algumas plataformas de forma efetiva é muito melhor do que uma que utiliza 200 de forma ineficaz. 

Apenas grandes empresas devem se implementar a transformação digital

Diferentemente do que muitas pessoas pensam, a transformação digital não tem a ver com o faturamento da empresa. É relacionada a uma mudança de cultura, a uma adaptação de modelo de negócios, a uma otimização de processos. Ela beneficia tanto empresas grandes como pequenas, trazendo melhorias para seus fluxos e rotinas.

Transformação digital é um processo caro

O processo de transformação digital não deve ser visto como um custo, mas como um investimento para ter excelentes retornos e resultados. De acordo com uma pesquisa da IDC Consulting, 34% das empresas que alocaram recursos para a implementação tiveram benefícios imediatos nos seus negócios. A transformação digital tem um efeito em toda a companhia e, por isso, oferece grandes vantagens. 

Transformação digital e digitalização são a mesma coisa

Esse é um dos maiores mitos no mundo dos negócios. Ambos são muito importantes, mas são coisas diferentes. A digitalização tem a ver com oferecer mais rapidez e agilidade utilizando recursos digitais e tecnológicos – o que tem muito a ver com melhorar a eficiência e otimizar os custos. A transformação digital, por sua vez, é mais ampla: relaciona-se também com o modelo e proposta do negócio; com a implementação de uma nova cultura; com uma organização customer-centric; com a melhoria dos fluxos, capacidades e talentos para criar mais valor aos clientes. 

Transformação digital é coisa da área de TI

Algumas empresas acreditam que a implementação da transformação digital é responsabilidade do departamento de TI, uma vez que tem a ver com recursos tecnológicos. Porém, é essencial que o processo tenha participação completa da alta gestão, liderando as mudanças e inovações no negócio. A área de TI, por sua vez, é uma aliada neste momento. 

Transformação digital só vale a pena para empresas B2C

É uma crença muito comum nos dias de hoje a respeito da transformação digital, já que o processo estimula colocar o cliente como centro do negócio. Porém, todos os formatos de organizações podem se beneficiar da transformação digital, porque ela ajuda a otimizar processos, melhorar a eficiência operacional, inovar nas soluções e desenvolver talentos. E esses benefícios são compatíveis com todos os modelos de negócio e tamanhos de empresa.

Transformação digital é uma moda passageira

Lembre-se disso: a transformação digital é uma realidade e deve ser implementada o quanto antes no seu negócio. Não é moda: é uma tendência forte que veio para ficar. Se você ficar para trás neste processo, o seu concorrente estará cada vez mais digitalizado, automatizado e, como consequência, oferecerá mais valor ao cliente.